O Nininho

Avelino, Nininho para os amigos. Aquilo que mais impressiona quando o conhecemos pela primeira vez é a cor do olhos e o sorriso franco. Mais tarde será a voz e a capacidade de abraçar – abraçar mesmo.

Nininho está a tornar-se num caso sério da música pop cigana (sim, é assim mesmo que a caracteriza) e quer que esta se democratize e entre nos ouvidos de todas as pessoas. Acredita – porque sabe que é verdade – que a música aproxima os seres humanos e é uma arma importante para combater discriminações e desigualdades.

“Cigano da parte do pai e não cigano da parte da mãe” sabe bem o que é o olhar preconceituoso mas detesta discursos de vitimização e aposta na afirmação cultural plena, franca e desassombrada.

A vida já lhe trocou as voltas – já viveu privado de liberdade. Esteve preso 1 ano e 15 dias em casa, com pulseira electrónica por erros que não o definem e com os quais já acertou as contas. Aquilo que ele é, é-o agora. A falta de liberdade e a reflexão a que foi obrigado trouxeram-lhe, num acaso feliz da vida, o melhor que tem agora: o reconhecimento através da música.

Foi a lavar os dentes e de pulseira electrónica no pé que começou a trautear aquele que seria o seu primeiro grande sucesso. Depois o YouTube, (que faz voar até quem está preso) fez o resto. Milhões de elogios e visualizações, incentivos e, já mais tarde em liberdade, concertos cheios de pessoas. Pessoas. Em toda a sua alegria, representatividade e diversidade. Está num momento de criatividade e lançamento de músicas novas e, por isso, abraça o mundo cheio de alegria e ternura, da mesma forma que me abraçou a mim em cada minuto desta entrevista.

Senhoras e senhores: Nininho Vaz Maia.

Fotos: Joana Meneses.

Partilhe nas Redes Sociais
FacebookTwitterPinterest

4 comentários em “O Nininho

  1. Simplesmente perfeito !
    Entrevista perfeita e super motivadora ! Por mais pessoas assim ! Rita Ferro 👌🏻♥️ Nininho 😍👌🏻🙏🏼👑

  2. Fantástico !!
    Grande trabalho da Rita e da sua equipa . Já era fã dos dois , fiquei ainda mais fã .
    Obrigada ! ♥️

Deixe uma resposta

* Campos obrigatórios